Reler

14 Agosto 2009

As férias permitem-nos justamente dispor de mais tempo para as coisas que realmente amamos.

Entre as coisas boas e necessárias à vida, a leitura ocupará certamente um lugar destaque.

Talvez há vinte anos, li um dos livros que me marcou profundamente. Hoje tropeçei nele e tinha lá sublinhado a seguinte frase:

“Vivendo se aprende; mas o que se aprende, mais, é só a fazer outras maiores perguntas”

João Guimarães Rosa, Grande Sertão: Veredas.

Partilho esta magnífica história publicada hoje no Público.

View this document on Scribd

Boa Sorte, Helena!

30 Maio 2009

As provas da Final Nacional do Concurso Nacional de Leitura realizam-se nos dias 30 e 31 de Maio de 2009 em Lisboa.
A final nacional do Concurso será transmitida pela RTP.

Desejamos-te muitas felicidades, Helena!

“Os principais inimigos dos livros são “os homens, que os queimam, censuram, encerram em bibliotecas inacessíveis e condenam à morte os seus autores. E não, como se ouve, a Internet”. São palavras do escritor italiano, Umberto Eco , em entrevista hoje publicada no jornal “La Stampa “.

Para o autor de “O Nome da Rosa “, “a Internet ensina os jovens a ler e serve para vender imensos livros”, defendendo, por isso, uma colaboração estreita entre as novas tecnologias e o mercado editorial, nomeadamente através da produção de livros electrónicos.

“Até hoje nunca usei um ‘e-book’, mas se tivesse de transportar dez mil páginas, usava-os com muita satisfação. Para ler um romance já não sei.”, afirma.

Eco, Prémio Príncipe das Astúrias em 2000, assegura que o livro electrónico pode atrair novos leitores, e dá como exemplo um pirata informático que começou a ler “D. Quixote de la Mancha “, de Miguel de Cervantes , graças a um e-book.

Para o escritor italiano, a Internet é a “mãe de todas as bibliotecas”.

Stephenie Meyer

3 Maio 2009

“Stephenie Meyer” tem 35 anos, cresceu em Phoenix, no Arizona e é considerada a nova J. K. Rowling. Doutorou-se em Literatura Inglesa na Brigham Young University em Provo, Utah, uma universidade que pertence à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Em Junho de 2003 sonhou com duas personagens – a humana Bella e o vampiro Edward – e transformou-os nos heróis da saga “Luz e Escuridão” que já vendeu 45 milhões de livros em todo o mundo e encanta adolescentes, principalmente raparigas: “Crepúsculo” (“Twilight”, já adaptado ao cinema), “Lua Nova” (“New Moon”), “Eclipse” (“Eclipse”) e “Amanhecer” (“Breaking Down”) que irá para as livrarias portuguesas a 9 de Junho (numa edição Gailivro). Entretanto publicou “Nómada”, um romance para adultos e está agora a trabalhar no próximo livro”.

(in Público)

Este ano pensei que poderíamos oferecer um livro às nossas mães.

Para isso sugiro que explorem esta ferramenta. Caso tenham dúvidas, deixem aqui um comentário.

Participem!

Entrem por aqui.

Dia Mundial do Livro

23 Abril 2009

Celebra-se hoje o Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor. Uma data instituída pela UNESCO, que procura promover o livro.

Partilha os teus livros, as tuas histórias…