«Bagão Félix, Nuno Rogeiro, Sérgio Godinho e José Jorge Letria são alguns dos autores que vão apresentar os seus livros, na 26.ª Feira do Livro de Barcelos. Este ano, o certame, que decorrerá entre 27 de Junho e 6 de Julho, revela uma aposta na literatura infantil.

Bagão Félix, Nuno Rogeiro, Sérgio Godinho e José Jorge Letria são alguns dos autores que vão apresentar os seus livros, na 26.ª Feira do Livro de Barcelos. Este ano, o certame, que decorrerá entre 27 de Junho e 6 de Julho, revela uma aposta na literatura infantil.

Durante os 10 dias de Feira, serão apresentados 11 livros, nove espectáculos de teatro e cinco de música. Na Alameda das Barrocas, estarão oitenta livrarias/editoras e mais de 40 mil livros a preços convidativos.

Organizada pela Empresa Municipal de Educação e Cultura e pela autarquia barcelense, o certame deste ano conta com a apresentação de cinco livros infantis: “As Aventuras de Miguel: histórias para comer”, de Nuno Rogeiro; “Pequeno Livro dos Medos” e “A caixa”, de Sérgio Godinho; “À Volta das palavras e das imagens”, com José Jorge Letria e André Letria; “A boca no trombone”, de Vergílio Alberto Vieira e “Vamos ouvir a história… Marta Cabeça de Vento”, da escritora Paula Carreira.

E como os mais novos estarão em destaque nesta edição, diariamente, decorrerá um programa de animação infantil e juvenil, com actividades permanentes e programadas, permitindo que os mais pequenos também contactem com os livros, enquanto os pais visitam a Feira.

Ainda nos livros, o programa deste ano apresenta obras de cinco autores barcelenses: José Ilídio Torres, Maria Goreti Figueiredo, Fernando Pinheiro e José Manuel Veiga.

Em termos musicais, o destaque vai para o concerto de Sérgio Godinho, na noite de 5 de Julho e para os festivais de música escolar juvenil e infantil a decorrer, nos dias 28 de Junho e 6 de Julho, respectivamente, com actuação dos EZSpecial, na noite de 28.

O teatro também marcará presença ao longo do programa, com a comédia “O meu menino”, de Tozé Martinho, a subir ao palco no primeiro dia do evento. Destaque ainda para o espectáculo de música e poesia “Feira do Livro: 26 anos de História”, a ter lugar no domingo, 29 de Junho, pelas 22 horas.

A 26.ª Feira do Livro de Barcelos abre na próxima sexta-feira, dia 27, pelas 21 horas e encerra à meia-noite do domingo da semana seguinte. Pode ser visitada todos os dias, das 17h às 24 horas, com excepção dos sábados, em que o certame se prolonga até à 1 hora da madrugada. »

Computadores Portáteis

27 Junho 2008

O programa e.escola,  prevê a entrega de computadores portáteis com acesso à Internet em banda larga, vai ser alargado aos alunos dos 7.º, 8.º e 9.º anos de escolaridade.

Festa do Agrupamento

24 Junho 2008

A Festa do Agrupamento foi um momento muito bonito, porque todos nós nos sentimos muito mais próximos na partilha de um objectivo comum.

A turmas do 8.º ano desenvolveram os temas propostos pela comissão organizadora. Destaco, hoje, a apresentação notável do 8.º A.

O espírito aventureiro, corajoso e destemido do povo português fez com que os portugueses dessem novos mundos ao mundo – parti ndo em direcção ao norte e ao sul, a ocidente e a oriente.

Mas nada disto se fez sem grande esforço. Os descobrimentos exigiram um alto preço ao povo português, que muitas vezes, o pagou com a própria vida. São, neste contexto, elucidativas as palavras do poeta quando diz “quanto do teu sal, ó mar, são lágrimas de Portugal”.

descobrimentos8a

Urgentemente

18 Junho 2008

“É urgente o amor”… Assim é o início do poema que a Sara escolheu para o seu videopoema.

Videopoema

12 Junho 2008

A Diana Manuela Sá realizou este videopoema.

Fernando Pessoa

8 Junho 2008

A antologia “Poesia de Fernando Pessoa para todos”, organizada por José António Gomes com ilustrações de António Modesto, visa “aproximar mais cedo os mais novos” do poeta da “Mensagem”.

Com a chancela da Porto Editora, esta antologia é editada no âmbito dos 120 anos do nascimento do escritor, reunindo cerca de 30 poemas seus.

Em declarações à Lusa, José António Gomes afirmou que esta antologia “visa aproximar mais cedo dos mais novos a poesia de Pessoa”.

“O próprio Pessoa escreveu alguns poemas às suas sobrinhas, um destinatário infantil, mas há outros poemas seus, simples e compreensíveis pelos mais novos, com uma estrutura lírico-dramático”, explicou José António Gomes.

O investigador salientou as ilustrações e o design de António Modesto, “marcados por um estilo que lembra aqui e ali as vanguardas históricas do princípio do século XX, o período de actividade de Pessoa”.

“Há referências a Amadeo de Souza-Cardoso e ao cubismo”, acrescentou.

A antologia inclui, entre outros, “Poema pial”, “Ó sino da minha aldeia”, “A fada das crianças” e “Liberdade”, num total de 27 poemas, na sua maioria de autoria de Fernando Pessoa, mas incluindo dois heterónimos.

De Ricardo Reis escolheu a ode “Para ser grande sê inteiro” e de Álvaro de Campos “Todas as cartas de amor são ridículas”.

Segundo José António Gomes, professor na Escola Superior de Educação do Porto, “Fernando Pessoa é dos poetas mais conhecidos e lidos”, mas pode-se ainda “aproximá-lo dos mais novos, logo na escola primária e no 2º ciclo”.

Ilustrador e o antologista estarão na próxima quinta-feira, 13 de Junho, dia do aniversário de Fernando Pessoa, na Feira do Livro de Lisboa, a cidade onde nasceu.

O livro integra a colecção “Oficina dos Sonhos”, um projecto da Porto Editora que visa “reunir clássicos da literatura infantil e juvenil, obras contemporâneas de grandes autores e ilustradores portugueses ou estrangeiros, e álbuns para os mais pequenos”, segundo fonte editorial.

(Fonte: Lusa)

O recente inquérito respondido por 63 alunos, foi realizado individualmente e com garantias de anonimato. Do total de respondentes – 57 dos alunos considerou que o blogue contribuiu “para ler mais e melhor” e 6 consideraram que o blogue foi responsável pelo incremento de melhores hábitos de leitura.

Eis o resultado do inquérito sobre a contribuição deste blogue do ponto de vista dos alunos:

Resultados do Inquérito